Detento ‘blogueiro’ é transferido para penitenciária de segurança máxima por compartilhar rotina nas redes sociais - Jornal Diário do Curimataú
Detento ‘blogueiro’ é transferido para penitenciária de segurança máxima por compartilhar rotina nas redes sociais

Detento ‘blogueiro’ é transferido para penitenciária de segurança máxima por compartilhar rotina nas redes sociais

COMPARTILHE



Cultura/UOL -

Um detento do Presídio Dalton Crespo, em Campos, no Rio de Janeiro, será transferido para uma unidade de segurança máxima após compartilhar a rotina de dentro da cadeia nas redes sociais. A utilização de celular é proibida para quem está preso.

Os vídeos começaram a ser compartilhados em 7 de outubro, mas foram descobertos pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) apenas na última segunda-feira (1º). Depois de identificarem as publicações, foi feita uma revista em todo presídio e encontraram 17 celulares, 13 chips, além de uma pequena quantidade de drogas e outros itens não permitidos.

“Já iniciamos um procedimento de apuração com a Corregedoria, que irá apurar a ocorrência com o máximo rigor que a lei permitir. É intolerável que os presos continuem tendo acesso ao mundo exterior. Vamos intensificar as ações de repressão e punir quando descobrirmos os envolvidos no ingresso desses materiais não permitidos na unidade”, declarou Fernando Veloso, secretário de Administração Penitenciária.

Nessas últimas semanas, o detento compartilhou toda a rotina de dentro da penitenciária, como café da manhã, limpeza da cela e o “banho de sol”. O detendo tinha pouco mais de 2.500 seguidores no TikTok.

A última publicação foi feita ontem e já registrou mais de 45 mil visualizações. No vídeo, ele mostra os presos preparando um misto quente numa sanduicheria improvisada. Além das gravações, ele também interagia com as pessoas nos comentários.




Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter, Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.