SiSU 2020.1 - Publicada a quarta e última chamada da lista de espera da UFCG - Jornal Diário do Curimataú
SiSU 2020.1 - Publicada a quarta e última chamada da lista de espera da UFCG

SiSU 2020.1 - Publicada a quarta e última chamada da lista de espera da UFCG

COMPARTILHE
Ascom -

Estão sendo convocados 1.293 candidatos, dos quais 350 classificados e 943 suplentes. Há vagas em vários cursos que não constaram na Terceira Chamada.

A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) divulgou na manhã desta terça-feira, dia 3, a quarta e última chamada da Lista de Espera do Sistema de Seleção Unificado (SiSU) 2020.1. Estão sendo convocados 1.293 candidatos, dos quais 350 classificados e 943 suplentes.

Classificados e suplentes


Os candidatos estão sendo convocados em até cinco vezes o número de vagas remanescentes de cada curso, respeitando-se a classificação para vagas livres e reservadas (cotas).

Está listado como “classificado” o candidato convocado no limite das vagas disponíveis para cada curso, enquanto que está listado como "suplente” o candidato convocado além do limite de vagas ofertadas.

 Por exemplo: se um determinado curso tem três vagas remanescentes, foram convocados 15 candidatos: três classificados e 12 suplentes.

Veja aqui a Quarta Chamada.

Cadastramento e matrícula

Na terminologia oficial da UFCG, cadastramento e matrícula são procedimentos diferentes. O cadastramento (registro acadêmico) é o procedimento por meio do qual o candidato selecionado se torna aluno da UFCG. Já a matrícula é o procedimento por meio do qual o aluno define as disciplinas que irá cursar em cada período letivo. Os dois procedimentos são obrigatórios para garantir a vaga na UFCG.

Os classificados na Quarta Chamada deverão realizar o cadastramento (registro acadêmico) e a matrícula em disciplinas na mesma ocasião, na próxima quinta, dia 5, e sexta, dia 6, das 8h às 11h e das 14h às 17h, na coordenação do curso para o qual foram selecionados.

Os suplentes também deverão realizar o cadastramento nos dias 5 e 6 - na coordenação do curso para o qual foram selecionados, das 8h às 11h e das 14h às 17h -, para que sejam habilitados para concorrer à vaga. A confirmação da conquista da vaga ficará condicionada à desistência de classificados na Quarta Chamada ou desistência de outros candidatos já cadastrados.

A divulgação da relação de suplentes efetivamente vinculados será feita no dia 12 de março. Eles deverão realizar a matrícula em disciplinas no dia 16 de março.

Quarta chamada contém cursos não incluídos na Terceira Chamada

A Quarta Chamada está convocando novamente candidatos às vagas em vários cursos que não constaram na Terceira Chamada devido ao preenchimento de todas as vagas nas chamadas anteriores.

As novas vagas são decorrentes da não realização da matrícula em disciplinas por parte de alunos já cadastrados. A matrícula em disciplinas é obrigatória e o aluno ingressante que não realizou a matrícula nessa segunda, dia 2, perdeu o direito à vaga, mesmo já tendo realizado o cadastramento.

Validação de Autodeclaração

Todos os candidatos convocados na Quarta Chamada, classificados e suplentes, que concorrem às vagas reservadas às cotas raciais (Pretos, Pardos ou Indígenas - PPI) e de Pessoas com Deficiência (PcD) deverão passar pela Validação de Autodeclaração, procedimento anterior ao cadastramento, também nos dias 5 e 6 de março. O horário de funcionamento das comissões é das 8h às 11h e de 14h às 16h.

Os classificados em cursos de graduação nos campi Campina Grande (que têm como centros de Ensino o CH, CCT, CTRN, CEEI e CCBS), Cuité (CES) e Sumé (CDSA) devem se apresentar no Bloco BG, no campus Campina Grande. Já os classificados nesta condição para vagas nos campi Patos (CSTR), Pombal (CCTA), Sousa (CCJS) e Cajazeiras (CFP) devem se apresentar no campus Cajazeiras.

Os candidatos deverão obrigatoriamente apresentar-se à Comissão de Validação de Autodeclaração apresentando documento oficial de identificação com foto.

Os candidatos que se autodeclararam Pretos ou Pardos serão avaliados com base exclusivamente no fenótipo, enquanto que os autodeclarados Indígenas deverão apresentar o Registro Administrativo de Nascimento de Indígena (RANI), oficialmente emitido pela Fundação Nacional do Índio (FUNAI).

Candidatos que se autodeclararam com deficiência passarão por análise documental do laudo médico. Candidatos com deficiência que se autodeclararam pretos ou pardos também devem se apresentar à Comissão de Validação da Autodeclaração.

Nos dias de funcionamento das comissões de Validação de Autodeclaração, é publicada a lista de candidatos cotistas (PPI e PcD) validados, constantemente atualizada ao longo do dia. Só após ter sua autodeclaração validada é que o candidato cotista deve realizar o cadastramento.

Veja aqui o calendário e outras informações.

Veja no edital toda a documentação necessária.



Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter, Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.