Nova espécie de rã amazônica é descoberta por cientista da UFCG - Jornal Diário do Curimataú
Nova espécie de rã amazônica é descoberta por cientista da UFCG

Nova espécie de rã amazônica é descoberta por cientista da UFCG

COMPARTILHE
Ascom -

Pesquisa foi realizada em parceria com pesquisadores de instituições do Acre, São Paulo, Minas Gerais e Peru.

Uma nova espécie de rã amazônica foi descoberta pelo professor Marcelo Nogueira de Carvalho Kokubum, da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), campus Patos, e publicada em um artigo na BioOne Complete, um banco de dados com mais de 200 títulos assinados e de acesso aberto nas ciências biológicas, ecológicas e ambientais.

A nova espécie do gênero Adenomera, pequenas rãs que alcançam no máximo 3cm, foi batizada de Adenomera chicomendesi, uma homenagem a Francisco Alves Mendes Filho, mais conhecido como Chico Mendes, em reconhecimento pelos seus esforços e sacrifícios como ambientalista na floresta amazônica. A rã descoberta se distingue de todas as outras 19 espécies do gênero já descritas pelo canto e pela morfologia, tendo as pontas dos dedos expandido em pequenos discos. Sua distribuição está associada à região amazônica abrangendo o Brasil ocidental (estado do Acre), sudeste do Peru e o centro-norte da Bolívia.

O trabalho de campo foi realizado durante dois anos, entre 2017 e 2018. Para o pesquisador, a descoberta desta espécie na Amazônia e no Brasil demonstra que há muito o que ser descoberto e estudado sobre a nossa biodiversidade.

“Nosso intuito é conhecer o mais rápido possível estas espécies, antes que elas seja extintas. Outro fator é a rápida destruição dos nossos biomas e a Amazônia, nestes últimos meses, é um dos biomas que está mais sendo devastado pela ação humana, seja pela agricultura ou pecuária. Neste sentido, a divulgação da descoberta desta nova espécie reforça a importância da preservação da Amazônia e de outros biomas, além de alertar para a rápida destruição que estamos observando”, ressalta.


O artigo foi publicado em parceria com pesquisadores de instituições do Acre, São Paulo, Minas Gerais e Peru.

Confira aqui o artigo completo.


Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.