PRF apura causas do acidente que matou gerente da CEF de Patos e mais três pessoas - Jornal Diário do Curimataú
PRF apura causas do acidente que matou gerente da CEF de Patos e mais três pessoas

PRF apura causas do acidente que matou gerente da CEF de Patos e mais três pessoas

COMPARTILHE
PatosVerdade -

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), através da 3ª Delegacia Regional, em Patos (PB), está apurando as causas do acidente entre dois veículos que matou quatro pessoas na tarde do último domingo, dia 22, no Km 34.9 da BR-361, entre as cidades de Catingeuira e Santa Terezinha, no Sertão da Paraíba.
De acordo com o Inspetor Paulo César, a PRF tem sete dias para concluir o Boletim de Acidentes. "As condições do local, a visibilidade normal, em pleno dia {...meio-dia}, a sinalização presente numa subida, que não dá para ver o outro lado. A gente não sabe ainda o que causou o acidente. Um dos veículos foi para a contra-mão, o que está sendo analisado pela equipe de perícia e que em sete dias o Boletim de Acidentes vai ser concluído para que a sociedade fique sabendo", informou o policial.
No acidente morreram a gerente da agência da Caixa Econômica Federal de Patos, Lucilene Maria Clementino, que conduzia o veículo Eco Sport, placas OXO-8299/PB, e mais três pessoas que estavam na ambulância da cidade de Conceição, conduzida por Jamilson Mangueira. Luiz Carlos, esposo de Lucilene, sofreu escoriações pelo corpo e após ser atendido no Hospital Regional de Patos (HRP), foi liberado. 
Os corpos de três vítimas foram sepultados na tarde desta segunda-feira (23) nos cemitérios das cidades de Conceição e Itaporanga, respectivamente. Já o corpo do motorista da ambulância, Jamilson Mangueira, que ficou carbonizado, encontra-se no NUMOL em Patos aguardando sua liberação para o seupultamento. 
Inspetor Paulo César
IMG_20180528_084327301
Lucilene e o esposa Luiz Carlos
1532278041


Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.