Quatro homicídios em menos de 30 dias são registrados na cidade de Jaçanã - Jornal Diário do Curimataú
Quatro homicídios em menos de 30 dias são registrados na cidade de Jaçanã

Quatro homicídios em menos de 30 dias são registrados na cidade de Jaçanã

COMPARTILHE

Luiz Lopes -

Localizada na região Trairi do Rio Grande do Norte  e conhecida como a Princesinha do Trairi a cidade de Jaçanã (RN), vivencia neste mês de Junho um dos períodos mais violentos da sua história.
Geinha , Neném do Trailer e o ex-vereador Carlinhos de Zé Ranofo
Em menos de 30 dias a cidade que possui pouco mais de dez mil habitantes já registrou quarto homicídios, um número assustador e que vem preocupando a população.
O primeiro caso ocorreu no dia 12 durante uma tentativa de assalto, um jovem morreu após ser  atingido por disparos de arma de fogo no centro da cidade. Poucas horas depois um vigilante noturno conhecido popularmente como Geinha foi assassinado próximo ao Mercado público. O terceiro crime vitimou  o ex-vereador Carlinhos de Zé Ranofo, o mesmo foi encontrado morto na zona rural do município no ultimo dia 22,  hoje pela manhã recebemos a noticia do assassinato da comerciante conhecida como Neném do Trailer.
Em 2018 o Rio Grande do Norte já ultrapassou a marca de Mil assassinatos e Jaçanã já pode ser considerada a cidade da região Trairi que mais contribuiu com essa estatística.
Além dos assassinatos, também recebemos noticias de assaltos tanto na zona urbana como nas comunidades rurais, os comerciantes trabalham assustados, os correios e os correspondentes bancários estão sem dinheiro, não existe mais caixa eletrônico na cidade. Esse grave problema com a falta de segurança não é de hoje, há muito tempo nossa cidade enfrenta  dificuldades, uma mancha negra que atrapalha o desenvolvimento local e deixam familiares e amigos entristecidos com a partida de pessoas tão queridas.
A única coisa que efetivamente podemos fazer como cidadão comum é pedir a nossos governantes que se unam em prol de melhorias para segurança do nosso povo.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.