Uber, taxistas e alternativos se unem contra aumento de combustíveis - Jornal Diário do Curimataú
Uber, taxistas e alternativos se unem contra aumento de combustíveis

Uber, taxistas e alternativos se unem contra aumento de combustíveis

COMPARTILHE
Correio -


Taxistas, motoristas de uber e alternativos se uniram aos caminhoneiros para protestar contra o aumento do combustível, no início da tarde desta quarta-feira (23). Eles fazem bloqueios em alguns pontos de João Pessoa e Campina Grande. Segundo informação da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob), a  Avenida Hilton Souto Maior está bloqueada nos dois sentidos, próximo ao Caic de Mangabeira e em frente à Igreja igreja Católica do Bairro José Américo. A manifestação causa trânsito intenso na ladeira do José Américo e na principal de Mangabeira.

No Cidade Verde, o terminal de ônibus do bairro também encontra-se interditado por caminhoneiros e 13 ônibus estão impedidos de circular. Os índios voltaram a fechar o cruzamento das avenidas Ruy Carneiro e Epitácio Pessoa, pelo segundo dia seguido. 

Campina Grande
Motoristas de Campina também se unem para protestar paralisando o trânsito no viaduto Elpidio de Almeida, no Bairro Santo Antônio. O engarrafamento impede a saída para o município de Lagoa Seca e a chegada à Campina Grande pelo acesso da Avenida Floriano Peixoto.

Lei da oferta e da procura
Com poucos motoristas circulando, as tarifas do serviço aumentam. Segundo Paulo Queiroz, presidente do Sindicato da Uber, esse é um caminho natural, mesmo que a Uber não determine isso por base. “Ele trabalha pela quantidade de motoristas. Se os motoristas deixarem de dirigir, naturalmente as tarifas aumentam, pois entram na tarifa dinâmica”, explicou.


Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.