Polícia fica sem combustível e delegacias distritas fecham em Campina Grande - Jornal Diário do Curimataú
Polícia fica sem combustível e delegacias distritas fecham em Campina Grande

Polícia fica sem combustível e delegacias distritas fecham em Campina Grande

COMPARTILHE
Renata Fabrício e Wênia Bandeira -
A greve dos caminhoneiros atingiu a segurança pública em Campina Grande e região, nessa segunda-feira (28). As sete delegacias distritais da cidade e as de Lagoa Seca, Boa Vista e Massaranduba estão fechadas e sem data para voltar a funcionar. No Sertão, Sousa, Cajazeiras, Patos e Catolé do Rocha os atendimentos estão sendo mantidos normalmente, mas o delgados seccionais admitem o racionamento de combustível para longas distâncias, dada a instabilidade de fornecimento nos postos.

De acordo com a delgada seccional de Campina Grande, Tatiana Matos, os serviços da Polícia Civil estão sendo prestados na Central de Polícia, localizada no bairro do Catolé. O objetivo, segundo ela, é otimizar o trabalho.

“Estamos trabalhando em regime de plantão, como acontece normalmente nos fins de semana. Queremos economizar o combustível para não precisar deixar de atender. Vamos continuar trabalhando desta forma até terminar a greve”, disse.

A delegada falou que no domingo três viaturas da PC ficaram sem gasolina e não conseguiram abastecer mesmo em um dos postos de combustíveis da cidade dando prioridade aos serviços essenciais. Ela disse que a gasolina terminou antes que as viaturas chegassem. “Mesmo assim as pessoas podem ficar tranquilas porque não ficarão sem atendimento da polícia”, acrescentou Tatiana Matos.

O racionamento de combustível também está acontecendo no Sertão. Em Sousa, nenhuma rota de longa distância está sendo feita. “O expediente está normal nas delegacias. Há apenas uma cautela para rodar com as viaturas”, relatou o delegado seccional, Hamilton Simplício.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.