Caças dos EUA interceptam bombardeiros russos em espaço aéreo internacional próximo ao Alaska - Jornal Diário do Curimataú
Caças dos EUA interceptam bombardeiros russos em espaço aéreo internacional próximo ao Alaska

Caças dos EUA interceptam bombardeiros russos em espaço aéreo internacional próximo ao Alaska

COMPARTILHE
REUTERS -


Dois caças dos Estados Unidos interceptaram dois bombardeiros russos em espaço aéreo internacional na costa do Alaska na sexta-feira.
Os bombardeiros "Urso" TU-95 russos adentraram a chamada Zona de Identificação de Defesa Aérea a cerca de 380 quilômetros da costa oeste do Alaska às 10h no horário local, informou o porta-voz do Comando de Defesa Aeroespacial da América do Norte, o Major do Exército Canadense Andrew Hennessy em um comunicado à rede CNN.
Dois jatos NORAD F-22 interceptaram e identificaram visualmente os bombardeiros russos até eles deixarem a zona de identificação e as aeronaves russas nunca adentraram espaço aéreo norte-americano, reportou a CNN, citando o comunicado.
Bombardeiros russos TU-95 e TU-142 foram acompanhados por dois jatos F-22 em espaço aéreo internacional por 40 minutos, disse a agência de notícias RIA citando o ministério da Defesa russo no sábado.
Os caças dos Estados Unidos não chegaram a menos de 100 metros dos bombardeiros russos, disseram as forças militares russas.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.