Medalhista de bronze na Rio 2016 testa positivo para anabolizante - Jornal Diário do Curimataú
Medalhista de bronze na Rio 2016 testa positivo para anabolizante

Medalhista de bronze na Rio 2016 testa positivo para anabolizante

COMPARTILHE
Mais PB - 
Medalha de bronze na categoria até 94kg da Olimpíada do Rio, em 2016, o levantador lituano Aurimas Didzbalis testou positivo para a substância proibida SARM S-22, presente em esteróides anabolizantes. A infração aconteceu no Mundial de Levantamento de Peso de 2017, na cidade de Anaheim, nos Estados Unidos. A competição foi disputada no último mês de dezembro.
Na ocasião, Didzbalis conquistou a medalha de prata com 176kg de marca no arranco, 212kg no arremesso e 388kg no total. A tendência é que o lituano perca a medalha. Com a provável desclassificação de Didzbalis, o terceiro colocado, Seyedayoob Mousavijarahi, do Irã, herdaria a prata, enquanto o quarto lugar, Ibrahim Elbakh, do Catar, ficaria com o bronze.
Caso seja confirmado o doping, será a segunda suspensão de Aurimas Didzbalis, de 26 anos. Em 2012, ele não pôde participar dos Jogos Olímpicos de Londres após ser flagrado em um exame antidoping no Campeonato Europeu, na Turquia.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.