quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Agências Bancárias da Paraíba sofrem ataques no começo desta quarta-feira (29)

G1 –

Uma quadrilha explodiu um banco na cidade de Duas Estradas, no Brejo paraibano, na madrugada desta quarta-feira (29). A agência bancária atacada fica vizinha ao destacamento da Polícia Militar da cidade. De acordo com a polícia, o destacamento também foi atacado pelo grupo, formado a princípio por oito pessoas, com vários tiros.

Ainda segundo a Polícia Militar, os suspeitos chegaram ao banco em dois carros e três motocicletas por volta das 2h (horário local). De acordo com o comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Gilberto Silva, o destacamento policial estava fechado no momento do ataque.

Segundo o tenente-coronel Gilberto, os policiais do destacamento estavam dormindo no momento da explosão e após os tiros permaneceram no interior do prédio. A Polícia Militar realizou buscas, mas até o início da manhã desta quarta-feira (29) não havia informações sobre a quantia em dinheiro levada pelo grupo ou a localização dos suspeitos.




Em Conde 

Câmeras mostram ação de grupo em explosão a banco no Conde. Uma agência bancária no Centro da cidade do Conde, no Litoral Sul da Paraíba, foi explodida por assaltantes na madrugada desta quarta-feira (29). Uma câmera de segurança de um estabelecimento vizinho ao banco registrou o momento em que um dos integrantes da quadrilha se afasta do banco e espera calmamente a explosão ao lado do prédio. 

Na imagem, o assaltante encapuzado caminha até o interior da agência após a explosão.



A estrutura da agência ficou completamente destruída e uma casa vizinha foi danificada por uma parte do caixa eletrônico que foi arremessada e invadiu a casa. Parte do dinheiro dos caixas eletrônicos ficou espalhado na rua.

De acordo com o delegado Leonardo Souto Maior, responsável por registrar a ocorrência, a ação violou apenas um caixa eletrônico. A Polícia Civil busca imagens feitas por câmeras de segurança para identificar os suspeitos e procurar indícios. A ação criminosa além de destruir o prédio, danificou uma casa vizinha.

“O que temos de apurado é que podem ter sido duas explosões e que levaram apenas o dinheiro de um caixa eletrônico”, explicou Leonardo Souto Maior.

Os clientes da agência que funcionava no Conde devem passar a usar os serviços dos bancos de cidades da região, como Alhandra e até mesmo João Pessoa. De acordo com dados levantados pelo Sindicato dos Bancários da Paraíba, o caso registrado no Conde nesta quarta-feira é o 62º caso de ataque à estabelecimentos bancários.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.



COMPARTILHE