quinta-feira, 5 de outubro de 2017

No Norte de Minas Gerais, segurança ateia fogo em pessoas dentro de creche

G1 –


Quatro crianças e uma mulher morreram queimadas em uma creche em Janaúba, no Norte de Minas, na manhã desta quinta-feira (5). Segundo informações da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, o guarda do Centro Municipal de Educação Infantil Gente Inocente, no Bairro Rio Novo, jogou álcool em algumas crianças e nele mesmo, em seguida ateou fogo. A adulta morta na tragédia foi identificada como Heley de Abreu Silva Batista, professora da creche. Os outros mortos no crime, todos eles crianças, não tiveram suas identidades divulgadas. 

De acordo com a assessoria do Hospital Regional de Janaúba, cerca de 40 pessoas deram entrada na unidade de saúde - 25 foram internadas com queimaduras e 15, que entraram em estado de choque foram libradas. Entre os pacientes internados, 14 são crianças com idades entre quatro e cinco anos, e todos eles tiveram mais de 20% do corpo queimado. Também há funcionários da creche entre os feridos. Quinze pessoas respiram com a ajuda de aparelhos. 

O agressor foi identificado como Damião Soares dos Santos, 50 anos. Desde 2008 o homem trabalha como vigia noturno do local. Segundo a prefeitura, depois do período de férias, entre julho e agosto, ele pediu afastamento do posto, por motivo de doença. Nesta quinta, ele foi à escola para, supostamente, para entre o atestado médico. Ele está em estado grave no hospital, com queimaduras no corpo inteiro.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.



COMPARTILHE