quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Maior traficante de animais silvestres do Brasil é alvo de ação da PF na Paraíba

G1 –


Um idoso de 60 anos, considerado pelo Ministério Público Federal (MPF) o maior traficante de animais do Brasil, foi alvo de ação da Polícia Federal no Sertão da Paraíba. Foram cumpridos contra ele e três parentes, nesta terça-feira (12), mandados de busca e apreensão e de condução coercitiva, em Patos e em Junco do Seridó.

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) já apreendeu 3.775 animais com o homem, que é funcionário público da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado da Paraíba (Emepa). Ele responde a sete processos judiciais pelo crime de tráfico de animais, na Paraíba e no Paraná. Segundo o MPF, o idoso já foi autuado e preso 14 vezes, ao longo de mais de 20 anos.

Conforme o MPF, desde 1996 o homem se dedica a comprar e vender animais silvestres no “mercado negro”, alguns dos quais em risco de extinção e que levam o caso para a competência da Justiça Federal. De acordo com a ação do MPF, os quatro familiares estão relacionados ao tráfico de animais silvestres, interestadual e internacional.

Além da condução coercitiva e busca e apreensão, a Justiça concedeu a aplicação de medidas cautelares pessoais ao idoso: comparecimento mensal em juízo para justificar suas atividades; proibição de ausentar-se da comarca de Junco do Seridó, onde atualmente reside; recolhimento domiciliar no período noturno e nos dias de folga quando o acusado tenha residência e trabalho fixos; e fiança de R$ 40 mil.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.



COMPARTILHE