quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Em São vicente do Seridó, Reinserir promoverá oficina sobre fatores de risco e proteção na dependência química

São Vicente Agora –


Com o objetivo de discutir o tema e capacitar os profissionais, o Reinserir promove uma oficina sobre fatores de risco e proteção na dependência química. A atividade ocorre na quinta-feira, 31 de agosto, das 8h às 12h, no CRAS de São Vicente do Seridó (PB).

A oficina é voltada para os integrantes dos Grupos de Trabalho (GTS) do Reinserir, representantes das áreas de saúde, assistência social, educação, ONGs, e demais interessados no tema. Na programação, estão previstas palestras com conceitos de fatores de risco e proteção na dependência química e sobre o papel da família, da escola e dos profissionais como fatores de proteção, ministradas pelo psicólogo, especialista em Saúde Mental Sérgio Morais.


PROGRAMAÇÃO (sujeita a alterações)
8h: Apresentação da oficina e do cronograma do projeto e da campanha;
8h30: Conceitos de fatores de risco e proteção na dependência química;
9h30: O papel da família, da escola e dos profissionais como fatores de proteção;
10h30: Discussão a partir de casos e de terapias em grupos do CAPS AD;
11h30:  Encerramento;
12h00: Almoço.

O PALESTRANTE
Sérgio Morais é graduado em Psicologia pela UEPB; pós Graduado em Saúde Mental pela UFCG; Membro da ABRASME (Associação Brasileira de Saúde Mental); preceptor da UFCG; atua na Clínica como profissional liberal há mais de 10 anos e desde 2007 como psicólogo nas políticas públicas.  Está na coordenação da Subsede do Conselho Regional de Psicologia em Campina Grande e vem se dedicando ao tratamento das adicções de Substâncias Psicoativas, na Clínica Ampliada com equipe multiprofissional, além desempenhar um trabalho interdisciplinar com equipe de Unidade de Acolhimento, Casa de Passagem e Centro POP.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.



COMPARTILHE