terça-feira, 22 de agosto de 2017

Em sessão tumultuada, taxa de iluminação pública é aprovada pela Câmara de Barra de Santa Rosa

BSRnotícias -

Na noite desta segunda (22), ocorreu na Câmara Municipal de Barra de Santa Rosa, Curimataú paraibano, a votação do Projeto de Lei 014/2017, de autoria do poder executivo municipal, o qual institui a cobrança de taxa de iluminação pública (TIP). A sessão foi extremante tumultuada e contou com forte participação popular. A Polícia Militar se fez presente no local, para assegurar que nenhuma manifestação extrema ganhasse corpo.
O projeto ganhou grande repercussão e ocupou, durante toda a semana, a maioria das discussões nas redes sociais. Os internautas se revezavam entre favoráveis e contrários ao PL, estes últimos em significativa maioria se mobilizaram para comparecer à sessão e pressionar os vereadores a votarem contra a propositura.
Durante as discussões da matéria, os vereadores trocaram acusações rasteiras e depreciativas, de modo a inflamar ainda mais aqueles que acompanhavam a sessão.
O prefeito do município, Neto Nepomuceno (DEM), fez longo pronunciamento, onde destacou a importância da aprovação do PL e fez duras acusações aos gestores que lhe antecederam. A sessão também marcou o primeiro grande desafio do Prefeito Neto, no que diz respeito a sua “força” política no parlamento barrense.
Iniciado o rito de votação, o vereador Vetinho (PSD), solicitou “vistas” ao projeto, como estratégia para adiar o pleito e fomentar o debate popular, contudo, o seu pedido foi negado pelo plenário. Concluída a votação, o projeto de lei 014/2017 foi aprovado por ampla maioria, 7 votos favoráveis e 3 contrários. Veja como votou cada vereador:

FAVORÁVEIS:
Edinho Lins (PSB)
Elmir Sousa (DEM)
Tota (DEM)
Edson Guedes (PP)
Lia (DEM)
Robinho Pascoal (PDT)
Alex (PHS)
CONTRÁRIOS:
Valdo Monteiro (PSC)
Vetinho (PSD)
Cícero Ribeiro (PT).

O projeto agora segue para sanção do prefeito.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.

COMPARTILHE