quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Atleta abre mão de vitória para ajudar competidor que passou mal

Só Notícia Boa –

Uma imagem impressionante de honestidade e solidariedade de um corredor está comovendo as redes sociais e o mundo esportivo. Ao perceber que o primeiro colocado estava passando mal, a poucos metros da chegada, o segundo colocado segurou o adversário pelo braço e o empurrou para a vitória. 

Rob Gomez teve a chance de ganhar o prêmio de US $ 1.000 – R$ 3.150 – como o melhor finalista masculino da prova de 10 km da Maine’s TD Bank Beach to Beacon. Mas quando viu o corredor de frente, Jesse Orach, caindo pela segunda vez perto da linha de chegada Rob decidiu ajudar o líder da prova. Em vez de correr para vencer, Gomez parou, levantou Orach e o segurou nos últimos 50 metros antes de dar-lhe um último empurrão para certificar-se de que o adversário cruzaria a linha de chegada primeiro.

A cena aconteceu na semana passada nos EUA. As fotos da solidariedade de Gomez circulam nas mídias sociais e ele permaneceu humilde:

“Eles me colocaram em um pedestal que eu realmente não mereço”, disse o corredor ao Press Herald. “O que as pessoas viram foi apenas um exemplo de comunidade em execução. Não é realmente especial. É exatamente o que fazemos”. Alguns se perguntaram como Gomez pôde deixar de ganhar se levaria um prêmio de US $ 1.000. “Não foi uma decisão calculada”, disse ele. “Não foi porque eu sou um tipo de herói, ou uma espécie de pessoa especial, porque eu não sou. Como corredores, entendemos, nos escolhemos uns aos outros e nos ajudamos”.



Leia mais notícias em diariodocurimatau.com,  siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter,  Instagram e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.


COMPARTILHE