quarta-feira, 31 de maio de 2017

Dois reservatórios estão sangrando na PB. Confira o volume dos demais

PBAgora -

A Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba informou que dois reservatórios estão sangrando na Paraíba em consequência das chuvas que caíram em várias regiões. Um deles é a Barragem de Marés, localizada na Região Metropolitana de João Pessoa.
Segundo a Aesa, o manancial atingiu o volume máximo, 2.136.637 m3. O outro açude está localizado na região de Monteiro, no Cariri do Estado, que recebeu água da Transposição do Rio São Francisco e está com sua capacidade máxima, 1.311.540 m³.
Estão com capacidade armazenada superior a 20% do seu volume total, 36 reservatórios na Paraíba, e 47 estão em observação, por estarem com menos de 20%. Outros 42 reservatórios estão com menos de 5% do seu volume total. Pelo menos mais quatro mananciais apresentam mais de 90% de sua capacidade e, de acordo com as previsões, podem também sangrar. São Gramame/Mamuaba, no município de Conde, Região Metropolitana de João Pessoa, e o Açude Vazante, na cidade de Diamante, no Cariri do Estado. Na mesma região está o Açude Taperoá II (Manoel Marionilo), em Taperoá. O Açude São Paulo, na cidade de Prata, está com 88% de sua capacidade.
O Açude de Boqueirão (Epitácio Pessoa), responsável pelo abastecimento d’água de Campina Grande e mais 18 cidades, vem aumentando o volume. No início do mês de maio estava com 14 milhões de m³ e desde a chegada das águas do Rio São Francisco, de acordo com a última medição da Aesa, o manancial está com 22 milhões de m³. A capacidade máxima é de mais de 411 milhões.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com, siga  nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.

COMPARTILHE