Prefeito de Nova Floresta terá que exonerar sogra do cargo de chefe de gabinete em 10 dias - Jornal Diário do Curimataú
Prefeito de Nova Floresta terá que exonerar sogra do cargo de chefe de gabinete em 10 dias

Prefeito de Nova Floresta terá que exonerar sogra do cargo de chefe de gabinete em 10 dias

COMPARTILHE
Jornal da Paraíba -
Prefeito de Nova Floresta, Jarson Santos (PSB)

Descumprimento da recomendação pode gerar ação por improbidade
O prefeito de Nova Floresta, Jarson Santos da Silva (PSB), foi notificado pelo Ministério Público da Paraíba para que exonere, no prazo de até 10 dias, a sogra, Marta Lúcia Santos Andrade, do cargo de chefe de gabinete. O não cumprimento pode implicar em ajuizamento de ação por improbidade administrativa e reclamação junto ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Na recomendação, o promotor de Justiça, Eduardo de Freitas Torres, destaca que Marta Lúcia é parente em 1º grau por afinidade do prefeito e estaria exercendo cargo de confiança. “Não se trata de um cargo político, mas sim um cargo de confiança, cujas atribuições revelam atividades “singelamente administrativas”, pontua. 
“A prática do nepotismo é contrária aos princípios da moralidade, da impessoalidade, da isonomia e da eficiência não só no âmbito do Poder Judiciário, mas de toda a administração pública, não se podendo excluir da vedação imposta pelo Supremo Tribunal Federal os Poderes Legislativo e Executivo”, reforça o promotor.
A sogra de Jarson Santos disse que a recomendação do prefeito deverá ser cumprida. “Ele foi para uma audiência nesta manhã para organizar a papelada para a exoneração ou recorrer da decisão, mas acredito que eu seja afastada”, comentou.

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.