sexta-feira, 24 de março de 2017

Corpo encontrado carbonizado no porta-malas de carro é de comerciante de cigarros

Heleno Lima -
Vítima
O corpo encontrado carbonizado na mala de um veículo incendiado no sítio Barra da Canoa, município de Pedra Lavrada, no Seridó paraibano, na madrugada dessa quinta-feira (23), foi identificado e, de acordo com informações de um policial civil, trata-se do comerciante, João Batista Silva de Melo, residente na cidade de Santa Luzia, região do Sabugi (Relembre o caso, clique aqui).
O corpo foi necropsiado por uma equipe do Instituto de Polícia Científica (IPC), que esteve no local onde o carro foi encontrado queimado e a vítima carbonizada no porta malas, as margens da PB-177 (Rodovia do Minério), próximo a entrada que dar acesso à cidade de Cubati.
Carro foi encontrado na zona rural de Pedra Lavrada
 (Foto: Reprodução)
Batista, como era conhecido, comercializava cigarros e foi visto com vida pela última vez na noite de quarta-feira (22), em Soledade.
Ele estava em um espetinho da cidade, onde tomou alguns aperitivos e comeu carne. Familiares do comerciante disseram que ele teria sido vítima de sequestro.
O crime chocou a Paraíba devido a crueldade que os bandidos usaram porque, próximo ao carro um CrossFox de cor branca, fora encontradas pedras manchadas de sangue, o que leva a crer que ele pode ter sido morto a pedradas e depois colocado no porta malas do veículo e incendiado em seguida.



Leia mais notícias em diariodocurimatau.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.

COMPARTILHE