segunda-feira, 6 de março de 2017

“As principais substâncias minerais que ocorrem na PB estão em Pedra Lavrada, Nova Palmeira, Frei Martinho, Junco do Seridó, Picuí e Várzea” - diz técnico

Setor Mineral -

O subsolo do Estado da Paraíba é constituído em grande parte por rochas e minerais de grande valor econômico. 

Nos municípios onde são explorados têm um peso marcante na economia interna e no desenvolvimento social da população, sendo na maioria das vezes extraídos através dos garimpos e mineradoras de pequeno e médio porte. 
Segundo o Técnico em Mineração e Pesquisador Antonio de Pádua Sobrinho no litoral são encontrados as seguintes substancias:  Água mineral, areia industrial, areia para filtro, argila branca, calcário calcítico, fosfato, rutilo, ilmenita, Cianita, zirconita, na  região de Boa Vista e Cubati,  argila bentonítica,  no Vale do Piancó e Caatingueira, ouro e ferro, na região de Cajazeiras, ferro, em todo o estado  exceto litoral, rochas para revestimento, já  em todo o Estado, são encontrados minerais para  construção civil e argila para cerâmica vermelha, merecendo destaque a região do Seridó onde  os municípios  com maior vocação mineira são: Pedra Lavrada, Nova Palmeira, Frei Martinho, Junco do Seridó, Picuí e Várzea. “Nesses municípios são encontrados água marinha, turmalinas, albita, berilo, calcário dolomítico, caulim, tantalita/columbita, feldspato, granada, mica, quartzito, quartzo branco, fumê, róseo, roxo, transparente, granito, dentre outros” – Disse.


Leia mais notícias em diariodocurimatau.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.

COMPARTILHE