domingo, 22 de janeiro de 2017

Procissão encerra festividades religiosas do padroeiro de Picuí

Francisco Araújo -



Uma multidão na procissão de São Sebastião, padroeiro de Picuí, encerrando assim as festividades religiosas. Crianças, adultos, idosos, devotos e pagadores de promessas caminharam pelas ruas da cidade. A alegria era visível no semblante de cada pessoa. 



São Sebastião era um soldado romano que foi martirizado por professar e não renegar a fé em Cristo Jesus. Sua história é conhecida somente pelas atas romanas de sua condenação e martírio. Nessas atas de martírio de cristãos, os escribas escreviam dando poucos detalhes sobre o martirizado e muitos detalhes sobre as torturas e sofrimentos causados a eles antes de morrerem. 
Essas atas eram expostas ao público nas cidades com o fim de desestimular a adesão ao cristianismo.



Leia mais notícias em diariodocurimatau.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo Whatsapp (83) 9 8820-0713.

COMPARTILHE