domingo, 4 de dezembro de 2016

Explosão em uma mina de carvão na China deixa mais de 30 mortos

G1 -

Trinta e duas pessoas morreram em uma explosão de uma mina de carvão no norte da China, informaram neste domingo (4) os meios de comunicação estatais chineses, no mais recente acidente em um país com um histórico de problemas de segurança na indústria.

A explosão aconteceu no sábado (3) em uma pequena mina na região da Mongólia Interior, próximo à fronteira com a Mongólia, informou a agência estatal Xinhua.
Um total de 181 trabalhadores ficaram inicialmente presos na mina e 149 foram resgatados.
É o segundo grande acidente em uma mina de carvão na última semana, depois que o governo orientou as mineradoras a retomar a produção para controlar os preços do carvão e satisfazer a demanda do inverno no hemisfério norte.
No primeiro desastre, as autoridades confirmaram na sexta-feira que 21 pessoas morreram, depois de uma explosão em uma mina na província de Heilongjiang. No dia 31 de outubro 33 pessoas morreram em uma explosão em uma mina de gás na cidade de Chongqing.
O carvão responde por dois terços do consumo de energia da China, e suas minas estão entre as mais perigosas do mundo, já que o país não reforça o cumprimento das normas de segurança por parte das empresas.


Leia mais notícias em diariodocurimatau.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.

COMPARTILHE