segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

De acordo com orçamento 2017, Nova mesa diretora da Câmara de Picuí terá mais de 1 Milhão de Reais a disposição

Francisco Araújo -
Os vereadores do município de Picuí se reúnem mais uma vez nesta segunda-feira (05), em sessão ordinária nas dependências da Câmara Municipal; esta será a antepenúltima reunião do ano, já que o período legislativo se encerra dia 20 de dezembro e a ultima sessão ordinária acontecerá na segunda-feira, dia 19.  
Até a última reunião ordinária os parlamentares mirins do nosso município deverão apreciar e votar matérias de suma importância para o município, por exemplo, o Projeto de Lei nº 019, de 19 de setembro de 2016, que estima a receita e fixa a despesa do município de Picuí, para o exercício de 2017, que será de R$ 52.786.000,00 (Cinquenta e dois milhões, setecentos e oitenta e seis mil reais), fixa a Despesa em R$ 51.965.000,00 (Cinquenta e um milhões, novecentos e sessenta e cinco mil reais), a Reserva de Contingência em R$ 23.000,00 (Vinte e três mil reais) e a Reserva Orçamentária do RPPS em R$ 798.000,00 (Setecentos e noventa e oito mil reais). Neste montante está incluído o valor destinado a Câmara Municipal que será de R$ 1.410.000,00 (Um milhão, quatrocentos e dez mil reais). Este montante servirá para manutenção geral do Poder Legislativo Municipal. Caso o orçamento não seja votado até a última sessão os vereadores não entrarão em recesso.
Outros projetos que tramitam na secretaria da ‘Casa Francisco Eduardo de Macêdo’ são os seguintes: Um se refere a mudança no regimento interno e na Lei Orgânica do Município que trata da eleição da mesa diretora da Câmara Municipal; caso essa mudança aconteça, os futuros oposicionistas pretendem eleger no próximo dia 1º de Janeiro de 2017, duas mesas diretoras para os 4 anos de administração: Uma de 2017 a 2018 e a outra para 2019/2020.
O outro projeto é o que trata dos subsídios dos vereadores para o quadriênio 2017/2020. De acordo com uma informação extraoficial que chegou a redação do ClickPicuí, os atuais valores recebidos por vereadores, prefeito e vice-prefeito serão mantidos para os próximos 4 anos.  
O povo acompanhará de perto estas decisões, comparecendo em massa as sessões que acontecerão até o dia 19 de dezembro. 
Leia mais notícias em diariodocurimatau.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.

COMPARTILHE