sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Assessoria da Prefeitura de Picuí rebate informações sobre alto consumo de combustível no mês de setembro

Assessoria -

A assessoria da administração do município de Picuí considera inverídicas as informações da comissão de transição no que diz respeito ao consumo de combustível no mês de setembro de 2016. Segundo a nota, no mês de agosto/2016, o fornecedor Parelhas Gás Ltda apresentou inconsistência/falha (declaração em anexo) no seu sistema de faturamento de Notas Fiscais, tendo faturado R$ 111.972,57, e restando R$ 27.112,74 (duas notas fiscais, de valores R$ 11.977,49 e R$ 15.135,25), que foram faturados e pagos no mês de setembro. Confira abaixo a nota enviada a nossa redação:

N O T A

Em resposta à matéria publicada no portal ClickPicuí, relativa ao consumo de combustível da Prefeitura Municipal de Picuí, informamos ser inverídica a informação de que, no mês de SETEMBRO/2016, o montante tenha sido R$ 158.559,24. 

O fato:

No mês de agosto/2016, o fornecedor Parelhas Gás Ltda apresentou inconsistência/falha (declaração em anexo) no seu sistema de faturamento de Notas Fiscais, tendo faturado R$ 111.972,57, e restando R$ 27.112,74 (duas notas fiscais, de valores R$ 11.977,49 e R$ 15.135,25), que fo

ram faturados e pagos no mês de setembro.
Por este motivo, o valor pago ao referido fornecedor no mês de setembro totalizou R$ 158.559,24, mas o que não diz que foi o montante consumido no referido mês.

Assim, os números verdadeiros são:




Leia mais notícias em diariodocurimatau.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.

COMPARTILHE