quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Trabalhadores da UPA do Limeira em Picuí paralisam atividades por falta de pagamento

Francisco Araújo -

De acordo com informações enviadas a redação do ClickPicuí, os homens que estão trabalhando na edificação da UPA no bairro Limeira, paralisaram as atividades por falta de pagamento. Segundo a fonte, há dois meses que os trabalhadores não recebem seus pagamentos. 

De acordo com o vereador Olivânio Remígio, a prefeitura de Picuí já pagou mais de um milhão de reais a empresa responsável pela construção da referida obra. A placa informa que a obra deveria ter sido entregue em dezembro de 2015, portanto prestes a completar um ano de atraso. Ainda de acordo com a placa os recursos do governo federal são de 1.394.386,04 (Um milhão, trezentos e noventa e quatro mil, trezentos e oitenta e seis reais e quatro centavos). 

A este valor acrescenta-se ainda a contrapartida do município. Ainda de acordo com nossa fonte, o representante da construtora em Picuí, informou que terá uma reunião com um representante da administração municipal na tentativa de resolverem a situação dos trabalhadores. Com a palavra a administração municipal ou o representante da construtora.

Os Picuienses esperam que essa obra não tenha o mesmo destino que a creche inacabada e abandonada também no bairro Limeira, o ginásio da comunidade Lajedo Grande, a biblioteca municipal ao lado do estádio Amauri Sales de Melo conveniada com o governo do estado etc, etc. Em breve tem mais. 

Leia mais notícias em diariodocurimatau.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Jornal Diário do Curimataú pelo WhatsApp (83) 9 8820-0713.

COMPARTILHE