quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Tião chama Daniella de bajuladora, e deputada rebate: “Não vou jogar pérolas aos porcos”

Blog do Gordinho -

A briga entre os deputados Tião Gomes (PSL) e Daniella Ribeiro (PP) parece não ter fim e nesta quarta-feira (16) os parlamentares protagonizaram mais uma vez cena de discussão com troca de acusações e ironias. O deputado chamou Daniella de bajuladora e a deputada respondeu com uma passagem bíblica: “Não vou jogar pérolas aos porcos”.
O imbróglio entre os deputados começou na semana passada quando Tião Gomes acusou o deputado federal e ex-ministro das Cidades Aguinaldo Ribeiro (PP), de “não ter feito nada” para resolver o problema de abastecimento de água em Campina Grande”. Na ocasião a deputada, que é irmão de Aguinaldo, rebateu afirmando que o deputado tinha inveja da sua família e era bajulador do governador Ricardo Coutinho (PSB).
Nesta quarta os parlamentares deram continuidade à discussão. Tião Gomes subiu a tribuna e cobrou respeito, insinuou que a deputada tem ódio do governador e disse que a conheceu na Granja Santana bajulando Ricardo Coutinho.
“A deputada Daniella vem com tanto ódio com o governador, que está trabalhando. Eu não sou bajulador de ninguém deputada, não faça ouvido de mercador não. Eu não sou da qualidade da senhora não. Eu conheci a Vossa Excelência lá na Granja bajulando o governador e eu não sou bajulador de ninguém. Eu exijo respeito, porque eu respeito todos meus companheiros. Eu nunca fui para uma rádio para destratar adversários meus que estão aqui”, disse.
O deputado disse ainda que Daniella Ribeiro se sente dona da água de Campina Grande. “Aguinaldinho é deputado e foi ministro e o que fez pela água de Campina Grande para essa senhora querer ser a dona da água de Campina Grande, a rainha da água de Campina Grande? Ela quer impor o que ela não fez”, afirmou na tribuna da Casa.
Em seguida a deputada, também da tribuna, rebateu Tião Gomes usando uma passagem bíblica. Ela disse que não perderia seu tempo “com pessoas que não recebem a palavra, que não tem interesse na verdade”.
“Campina Grande não tem dono. O dono são os cidadãos, são os filhos e aqueles que foram adotadas pela cidade. Tenho a lamentar por esse comportamento que me parece um pouco de inveja, misturado com algo que faz mal com relação ao meu irmão e minha família. Não vou discutir com um deputado que tem determinado comportamento nesta Casa, que quebra urna de eleição, que tem comportamento que são completamente rechaçáveis. Eu deixo apenas uma palavra que tem na bíblia, que trata quando Jesus avisa os discípulos que não perca tempo com aqueles que não têm interesse de ouvir a boa palavra, em outras palavras, não jogue pérolas aos porcos, com isso eu encerro minha palavra, porque eu não vou jogar pérolas aos porcos.

COMPARTILHE