sexta-feira, 10 de junho de 2016

Interditadas empresas que emitiam carteira estudantil ilegalmente na Paraíba

Correio -

Duas empresas foram interditadas em CG
Duas empresas que emitiam carteira de estudante ilegalmente em Campina Grande foram interditadas pelo Procon municipal nessa quinta-feira (10), atendendo a uma decisão judicial da 2ª Vara da Fazenda Pública, as empresas 'Carteira On Line' e 'Carteira Estudante' na Hora' emitiam carteiras de identidade estudantil ilegalmente, segundo o Procon-CG.

De acordo com o Procon-CG, após várias denúncias, o órgão notificou as empresas, dando um prazo de cinco dias para que ambas suspendessem as atividades de confecção e emissão de carteiras. 

“No dia 3 de junho, emitimos a notificação para que parassem as atividades; passado o prazo, as empresas insistiram em continuar as emissões sem que estivessem licenciadas, por essa razão estão interditadas e não poderão continuar”, explicou o coordenador Executivo, Paulo Porto de Carvalho Junior.

As carteiras de estudantes que foram emitidas por essas empresas estão invalidadas. A lista completa de entidades licenciadas está disponível para os estudantes na Sede do Procon Municipal, localizada á Rua Prefeito Ernani Lauritzen, Nº 226, no Centro da cidade.

As empresas foram procuradas pelo Portal Correio, mas os telefones não foram atendidos em todas as tentativas.

COMPARTILHE