Paraíba antecipa vacinação contra a Influenza para o dia 11 de abril - Jornal Diário do Curimataú
Home » , » Paraíba antecipa vacinação contra a Influenza para o dia 11 de abril

Paraíba antecipa vacinação contra a Influenza para o dia 11 de abril

Written By Diário do Curimataú on sexta-feira, 8 de abril de 2016 | sexta-feira, abril 08, 2016

Secom -

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde, decidiu antecipar a data de início da Campanha de Vacinação contra a Influenza 2016 definida pelo Ministério da Saúde, e a partir do próximo dia 11 dois grupos prioritários começarão a ser imunizados: as gestantes e os trabalhadores de saúde. A campanha, antes prevista para começar somente no dia 30 deste mês conforme programação do MS, prosseguirá até 20 de maio. O Dia D de Mobilização Estadual será realizado em 30 de abril, no município de Santa Luzia. A meta é imunizar 946 mil pessoas, ou seja, 80% do público alvo.

A gerente estadual de Imunização, Isiane Queiroga, explicou que a campanha terá início apenas com dois grupos prioritários porque o Ministério da Saúde ainda não encaminhou o total de vacinas que a Paraíba deverá receber para esta campanha. Até o momento o Estado recebeu 240 mil doses da vacina, o que corresponde a 24% do total de um milhão de doses a serem encaminhadas pelo MS para toda a campanha. “Tendo em vista que ainda não recebemos vacinas suficientes, decidimos iniciar a vacinação já dia 11 para esses dois públicos”, explicou.

Isiane disse ainda que, de acordo com o recebimento das vacinas, o Governo do Estado vai ampliar para os outros públicos. “A partir do início da campanha, avaliando a cada semana, vamos ampliando aos poucos para outros públicos até chegar o dia 30 de abril, data do início da campanha definida pelo Ministério da Saúde, quando todos os públicos prioritários terão acesso às vacinas (idosos, puérperas, crianças a partir de seis meses a menores de cinco anos, portadores de doenças crônicas, população indígenas, funcionários do sistema prisional, pessoas privadas de liberdade e adolescentes e jovens em conflito com a lei”, informou.

Segundo Isiane Queiroga, o Estado encaminha as vacinas para as Gerências Regionais de Saúde, que por sua vez, encaminham para os 223 municípios. A gerente estadual de Imunização ressaltou a importância de que, nesse momento, apenas aqueles dois públicos prioritários sejam vacinados. “Caso se comece a abrir exceções para outros públicos ou até para quem não está incluído no público alvo, vai faltar vacina para quem realmente tem direito”, disse.

A gerente estadual de Imunização explicou que o Ministério da Saúde define os grupos prioritários com base em estudos epidemiológicos. “O objetivo desta vacina não é eliminar o vírus, e sim diminuir as complicações e a mortalidade, e este público eleito é o que tem os maiores índices de complicações e conseqüentemente mortalidade, caso acometidos por Síndrome Respiratória Aguda Grave. Por isso esse grupo foi escolhido, por abranger quem é mais propenso a desenvolver uma doença grave”, esclareceu Isiane Queiroga. A vacina contra a gripe é trivalente, ou seja, previne contra três tipos do vírus: H1N1, H3N2 e B.
Compartilhe em sua rede :

0 comentários:

Speak up your mind

Tell us what you're thinking... !

5 Anos fazendo jornalismo

Destaque da semana

ONG Nova Baraúna comemora 11 anos de fundação; veja programação

Redação - No próximo dia 17 de dezembro, a ONG Nova Baraúna comemora 11 anos de fundação. As festividades terão inicio cedinho com al...

DIVULGUE VOCÊ TAMBÉM

CREATIVE TV - 24h NO AR!

CURTA E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES

Mais Acessadas

SEJA NOSSO REPÓRTER

TV: AVENTURA; ACOMPANHE

 


Copyright © 2016. Jornal Diário do Curimataú - Todos os Direitos Reservados. Grupo JM de Comunicação - Deus é Fiel
Desenvolvido Por Aluísio Silva