Ex-Prefeito de Pedra Lavrada tem recurso especial negado e está inelegível para as eleições de 2016 - Jornal Diário do Curimataú
Home » , , » Ex-Prefeito de Pedra Lavrada tem recurso especial negado e está inelegível para as eleições de 2016

Ex-Prefeito de Pedra Lavrada tem recurso especial negado e está inelegível para as eleições de 2016

Written By Diário do Curimataú on quinta-feira, 14 de abril de 2016 | quinta-feira, abril 14, 2016

Anderson Eliziário -


Foi publicada, nesta quinta-feira, 14 de Abril de 2016, no Diário da Justiça Eletrônica do STJ (Supremo Tribunal de Justiça) a decisão do Presidente e Ministro Francisco Falcão sobre o recurso especial que envolve o processo nº 200982010037264 do ex-prefeito do município de Pedra Lavrada, Sebastião de Vasconcelos Porto (Tinan).  

Na decisão, o Ministro desconhece o recurso especial protocolado pela defesa do ex-prefeito. O ex-prefeito tentou recorrer da decisão do Tribunal Regional da 5ª Região que mantinha sua condenação por improbidade administrativa. Tinan foi penalizado com a suspensão dos direitos políticos por cinco anos; ressarcimento do dano causado ao erário no valor de R$ 11.466,00; pagamento de multa civil e a proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios pelo prazo de cinco anos. O caso envolve a execução do convênio nº 800101/2004, cujo objetivo era a aquisição de material destinado à preparação de 234 Kits escolares e capacitação de professores. Para a aquisição do material, a prefeitura abriu o procedimento licitatório nº. 027/2004 (Carta Convite nº. 019/2004), tendo vencido uma empresa fantasma, a Nova Terra Comércio Incorporação e Representações.

De acordo com a denúncia do Ministério Público Federal, o então prefeito Sebastião de Vasconcelos Porto, além de homologar e adjudicar o objeto a empresa fantasma, também liberou recursos destinados à aquisição dos kits escolares sem o atesto do recebimento de material e à pessoa estranha ao objeto do valor empenhado. Condenado em 1ª instância, ele recorreu ao TRF objetivando a reforma da decisão. No entanto, não conseguiu reverter à decisão. "As sanções impostas na sentença recorrida mostram-se como medidas legais e razoáveis, perfeitamente compatíveis com a gravidade dos atos e o grau de sua reprovabilidade o relator do processo, Cesar Arthur Cavalcanti de Carvalho.”

Em resposta a decisão do Tribunal Regional da 5ª Região, Tinan pulicou:

Conforme foi divulgado no portal 'voz de pedra' , foi proferida uma decisão do TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA QUINTA REGIÃO julgando improcedente o nosso recurso interposto àquela Côrte. Entretanto, venho esclarecer os fatos e tranquilizar os amigos, correligionários e conterrâneos, pois se trata de uma decisão que pode e será recorrida, tanto que os nossos Advogados já estão cientes de agirem como manda a lei.
Ainda há um longo caminho judicial para percorrer, de maneira que o processo só acaba quando transitar em julgado.

Pois bem, ocorreu que no ano de 2004, a Prefeitura Municipal de Pedra Lavrada celebrou um convênio com o Ministério da Educação objetivando adquirir Kits Escolares e reciclar os Professores. Devo esclarecer que o referido convênio foi executado com muita transparência. Os Professores que participaram da reciclagem foram ouvidos na audiência e confirmaram que receberam a reciclagem e, juntamente com os alunos receberam os Kits escolares.

Nos autos do processo foram anexadas provas materiais sobre a realização da reciclagem, bem como fotografias do momento em que os professores distribuíam os kits escolares.

Assim, no intuito ardiloso de denegrir a minha reputação, uma pessoa anônima ofereceu uma denúncia ao Ministério da Educação dizendo que eu não havia executado o convênio. Que passados dez anos, a empresa vencedora da licitação não existia mais. 

A denúncia partiu de um anônimo inescrupuloso, provavelmente instruído pelo Ex-Prefeito Tota Guedes, que se utiliza de todos os meios possíveis para me afastar da vida pública.

Quero lembrar aos caros eleitores que ocupei o cargo de Prefeito por três mandatos e nunca houve uma denúncia contra a minha pessoa. Somente após o meu rompimento com o Ex-Prefeito Tota Guedes que este vem incentivando e oferecendo denúncias infundadas, tudo com o propósito de me ver inelegível, ou pelo menos, denegrir a minha reputação.
Além de absurda, a referida denúncia carece de lógico e bom senso, pois não cabe na cabeça de ninguém que no último ano de meu mandato, eu iria usufruir de recursos públicos destinados à educação na quantia ínfima de R$ 11.466,00 (onze mil quatrocentos sessenta e seis reais). 

Esclareço ainda, que a licitação foi realizada em total consonância com a Lei da Licitação. Nunca foi encontrada nenhuma ingerência sobre a comissão de licitações do meu mandato. Por outro lado, eu não posso ser penalizado porque dez anos após a realização da licitação, a empresa vencedora não esteja mais em atividade. É cediço que o tempo de vida de uma empresa não depende do gestor público, mas de fatores alheios à sua vontade, como a falência por exemplo. 
Em recente decisão da Corte do TSJ, o Ex-Prefeito de Patos Dr. Dinaldo Wanderley saiu vitorioso, pois a citada Corte julgou improcedente decisão do Juiz de 1ª entrância e da Turma do TRF – 5 em Recife, recuperando assim, os direitos políticos do amigo Dinaldo Wanderley.

Espero que o TSJ possa analisar com clareza o nosso processo e restabeleça a verdade, pois jamais agi com desonestidade.
O nosso recurso já foi protocolado e agora só nos resta aguardar o resultado na certeza de que a justiça tarda, mas não falha.
Agradeço a todos pelas manifestações carinhosas e que no próximo ano estaremos juntos e misturados.

Abraços a todos, Tinan
Compartilhe em sua rede :

0 comentários:

Speak up your mind

Tell us what you're thinking... !

5 Anos fazendo jornalismo

Destaque da semana

ONG Nova Baraúna comemora 11 anos de fundação; veja programação

Redação - No próximo dia 17 de dezembro, a ONG Nova Baraúna comemora 11 anos de fundação. As festividades terão inicio cedinho com al...

DIVULGUE VOCÊ TAMBÉM

CREATIVE TV - 24h NO AR!

CURTA E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES

Mais Acessadas

SEJA NOSSO REPÓRTER

TV: AVENTURA; ACOMPANHE

 


Copyright © 2016. Jornal Diário do Curimataú - Todos os Direitos Reservados. Grupo JM de Comunicação - Deus é Fiel
Desenvolvido Por Aluísio Silva