Policiais predem jovem que ameaçava população de Picuí através do WhatsApp - Jornal Diário do Curimataú
Home » , » Policiais predem jovem que ameaçava população de Picuí através do WhatsApp

Policiais predem jovem que ameaçava população de Picuí através do WhatsApp

Written By Diário do Curimataú on segunda-feira, 7 de março de 2016 | segunda-feira, março 07, 2016

Sétima Regional -

Trabalho conjunto de PCs e PM’s envolvidos no caso da investigação de uma gravação repleta de ameaças que foi divulgada através de WhatsApp, policiais chegaram no final da noite deste último domingo (06), até o jovem suspeito acusado de espalhar as ameaças, e conseguiram efetuar sua prisão em flagrante.

Uma operação conjunta formada entre os Policiais Civis da 7° DRPC, formada pela delegada Dra Dianni Regina, o PC Anderson e o PC Marcílio, e policiais da Polícia Militar, o SD. Josuel, o SD.  T. Silva, o SGt. T Silva e o Asp. D. Souza  apreenderam no final da noite, o jovem acusado de ser responsável pela gravação que espalhou ameaças e acabou causando pânico nos moradores da cidade de Picuí-PB  e região, desde a noite da última quinta-feira (03).

O jovem apreendido, Gleydson Andrade Ferreira de Lima, 18 anos, mais conhecido por "BOI", natural da cidade de Campina Grande-PB, é o tão famoso "assustador do WhatsApp", acusado de gerar total pânico a boa parte da sociedade picuiense, através de ameaças via áudios, ameaça inclusive destinada também a estudantes e funcionários da Escola Estadual Professor Lordão, em Picuí, quando o mesmo em certo instante do referido áudio, citou a “Galerinha do Lordão”. E José Talisson, conhecido por Tatale, 18 anos.

Acusados
O autor foi apreendido em uma casa que fica localizada no “Alto do Cruzeiro”, no Bairro Monte Santo, em Picuí, e levado para a delegacia onde foi dado início aos demais procedimentos de investigação, tendo em vista que o caso deve ir bem mais além.

Segundo a Delegada de plantão, a Dra. Dianni Regina, Boy provavelmente tem envolvimentos com o crime, pois foi encontrado com o acusado, uma arma Calibre 22, algumas munições, drogas e uma grande quantia em dinheiro.

Apesar de todo temor das pessoas, não foi registrado nenhum ataque nos locais citados no áudio. As linhas telefônicas da 7° DRPC de Picuí, e os contatos móveis da PM congestionaram neste dia, porque as pessoas queriam confirmar se era ou não boato, as ameaças que os mesmos ouviam através do aplicativo.

Em Picuí, alguns dos alunos da Escola Estadual Professor Lordão, deixaram até de ir a escola assistir aula com medo que, de fato, as ameaças viessem se tornar realidade. Policiais Militares passaram boa parte da noite em frente à referida escola.
Compartilhe em sua rede :

0 comentários:

Speak up your mind

Tell us what you're thinking... !

5 Anos fazendo jornalismo

Destaque da semana

ONG Nova Baraúna comemora 11 anos de fundação; veja programação

Redação - No próximo dia 17 de dezembro, a ONG Nova Baraúna comemora 11 anos de fundação. As festividades terão inicio cedinho com al...

DIVULGUE VOCÊ TAMBÉM

CREATIVE TV - 24h NO AR!

CURTA E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES

Mais Acessadas

SEJA NOSSO REPÓRTER

TV: AVENTURA; ACOMPANHE

 


Copyright © 2016. Jornal Diário do Curimataú - Todos os Direitos Reservados. Grupo JM de Comunicação - Deus é Fiel
Desenvolvido Por Aluísio Silva