segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Após indulto de Natal, saiba quantos presos retornaram a cadeia de Picuí

Francisco Araújo -

No final do ano passado a justiça concedeu o indulto natalino a vários presos que ganharam o direito de passar o natal e o ano novo na companhia dos familiares.

Para a concessão do benefício, além de bom comportamento carcerário, o reeducando deveria ter cumprido 1/6 da pena – quando primário – ou ¼ , quando reincidente.
No município de Picuí 12 apenados tiveram direito ao benefício, sendo 08 do regime semiaberto e 4 do regime fechado.
Em contato com a direção da cadeia pública de Picuí, o senhor Adriano Carlos informou a redação do ClickPicui que todos os beneficiários retornaram a cadeia no dia 1º de janeiro,  conforme Portaria nº 05/2015 do Poder Judiciário Estadual.
De acordo com a juíza Andréa Arcoverde, a saída temporária é um direito previsto na Lei das Execuções Penais (Lei Nº 7.210/84), que possibilita ao apenado de bom comportamento passar dias ao lado dos familiares. 

O benefício visa à ressocialização de presos e considera que as comemorações dessa época do ano são apropriadas para o convívio em família, o que gera resultados positivos para reintegração dos detentos.

COMPARTILHE