segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Campus da UFCG de Cuité implantará nova estufa para pesquisa e experiência com plantas

Ascom/CES  -

O Centro de Educação e Saúde (CES), campus de Cuité da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), vem buscando expandir suas atividades de pesquisa e extensão universitária no campo das ciências naturais e biológicas. Na última semana, foi dado início ao serviço de terraplanagem em uma área de 147 m², onde vai ser instalada uma casa de vegetação/estufa agrícola e serão realizadas diversas experiências e pesquisas que buscam o desenvolvimento da agricultura, meio-ambiente e produção acadêmica.

A estrutura a ser instalada mede 7m (largura) x 21m (comprimento) e possui um modelo mais técnico em relação às demais já existentes no campus. De acordo com um dos idealizadores do projeto de aquisição da estufa, o professor de Biotecnologia, Kidelman Dantas, o local será utilizado para trabalhos técnicos, como por exemplo, na produção de mudas de plantas nativas da caatinga, atividades científicas e experimentais, bem como procurar estabelecer metodologias de germinação e multiplicação de plantas, tanto nativas como de interesse da economia regional, a exemplo do maracujazeiro.

“A implantação deste novo espaço acrescentará uma área a mais de estudo ao campus de Cuité, que poderá ser utilizado tanto para a graduação como para a pós-graduação. Também servirá de área prática/técnica experimental para os estudantes de muitos cursos”, destaca o professor.

Além de continuar funcionando o que antes existia, a implantação da casa de vegetação proporcionará à comunidade universitária melhores condições de trabalho e de execução das atividades de forma mais ampla, podendo ser utilizada por um maior grupo de pessoas (professores/pesquisadores, estudantes, etc.), em função de suas diferentes necessidades.

A nova estufa foi adquirida através de recursos do Programa de Extensão Universitária (PROEXT), no valor de R$ 22.988,00 e encontra-se em fase de empenho.

COMPARTILHE