quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Avião com diretores do Bradesco cai em MG; não há sobreviventes

R7 -
Aeronave levava quatro pessoas e ficou completamente destruída; local do acidente é de difícil acesso; executivos do Bradesco estão entre as vítimas

Um jato modelo Cessna Citation VII, pertencente ao banco Bradesco, caiu, por volta de 19h desta terça-feira (10), na fazenda Junqueira, Zona Rural de Guarda Mor, na região noroeste de Minas Gerais. Não houve sobreviventes. Marco Antonio Rossi, presidente da Bradesco Seguros, e Lúcio Flávio Condurú de Oliveira, diretor-geral da Bradesco Vida e Previdência, morreram na queda do avião. As outras duas vítimas são tripulantes.

A Polícia Militar enviou três viaturas ao local, dando apoio aos bombeiros. De acordo com os oficiais, o local do acidente fica perto da divisa com Santo Antônio do Rio Verde e é de difícil acesso.

De acordo com os bombeiros de Catalão, que estão fazendo o socorro, o avião ficou completamente destruído. 
Marco Antonio Rossi era o nome escolhido internamente para suceder Luiz Carlos Trabuco no comando do Bradesco.  


COMPARTILHE